sábado, 4 de fevereiro de 2012

O que acontece quando morremos?

Por Ericka Guimarães



A vida após a morte sempre será um grande mistério e motivo para várias idéias, interpretações, sonhos, pesadelos e delírios. O que os filmes têm a nos dizer sobre isso?

De acordo com o filme nacional Nosso Lar, que foi baseado na obra de Chico Xavier, o "céu", ou o Nosso Lar, não é moleza. Tá pensando que depois que morre você vai ter direito ao descanso eterno? Pois se enganou. Lá você volta a ser alguém que tem que batalhar e trabalhar pelo que você quer. Quer ver sua família? Ok, mas o que você tem feito para merecer? O que fez em vida não vale como pontos. Começa do zero. (NOTA DA EDITORA: Pelo menos lá tem computador! Será que já chegou o Wi-Fi e o 3G?)

Em Os Outros, Sexto Sentido e Ghost e em vários filmes de terror vemos que algumas pessoas ficam presas ao plano terreno e não deixam os pobres (ok, não tão "pobres" em algumas situações) seres humanos dormirem em paz. Continuam rondando os vivos por terem deixado algo em vida inacabado, para lutar por justiça pela própria morte, por ter ficado longe de alguém que ama muito ou porque simplesmente ainda não sabe que morreu. Tenso.

Alguns fantasmas são bem sacanas mesmo. Ficam por aí tocando o terror em Nova York. E quem pode dar conta deles? Os Caça-Fantasmas! hahaha

Mas ó, te digo uma coisa: você que é vivo e faz maldade, é melhor tomar cuidado, pois algumas pessoas continuam querendo vingaça e justiça depois que morrem. Principalmente se forem crianças asiáticas. Veja O Grito, O Chamado e Espíritos pra ter uma pequena idéia do que te aguarda.

Às vezes as pessoas morrem e tentam se comunicar com aqueles que estão vivos. Você está preparado pra isso? Eu não. Joe Darrow, em O Mistério da Libélula também não. A esposa dele morre em um acidente e ele começa a acreditar que ela está tentando se comunicar através dos pacientes que estão à beira da morte. Para completar, as libélulas, que lembram a falecida, o perseguem.

Mas e se você é exposto a um vírus altamente contagioso e mortal vira um morto-vivo? Então o seu destino perder qualquer sinal de consciência humana e perseguir qualquer pedaço de carne que passe na sua frente para saciar a sua eterna fome. Até você encontrar um caçador de zumbis. De zumbis a Thandy Yung já falou e falou bonito.

Assistindo ao Cidade dos Anjos você aprende que quando você morre, você NÃO vira anjo. Mas é bom saber que eles estão ali, sempre ao nosso lado, tanto nos momentos bons quanto quando a hora de partir chega. São eles os guias para o "outro lado".

Vou parar por aqui porque acabei de ouvir um barulho esquisito vindo lá da sala. Se precisarem de mim, estou ali debaixo das cobertas.

Sigam-me os bons!
@erickacris

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...